(81) 99226-6474

Banner Quem Somos

Produzida na propriedade da família Barreto Silva, no município de Chã Grande - Pernambuco, distante cerca de 15 km da cidade turística de Gravatá e 85 km da capital do Estado, Recife, a Cachaça Sanhaçu foi certificada como orgânica desde seu ingresso no mercado em 2008.

A família trabalha com agricultura orgânica desde a aquisição da propriedade, em 1993. Ao longo desses anos vem implementado o sistema de manejo agroflorestal que hoje encontra-se bastante desenvolvido podendo-se observar exemplares de árvores nativas da Mata Atlântica.

Com o ressurgimento da flora original, a propriedade tornou-se um refúgio natural para fauna nativa da região, onde contempla-se com frequência animais como: teju, saguis, raposas, lebres e diversas aves, dentre elas o sanhaçu, que deu origem ao nome da cachaça.

Buscando harmonia com a natureza e o mínimo de impacto ambiental o Engenho Sanhaçu preocupa-se especialmente com os resíduos reaproveitando quase tudo no processo de produção da cachaça. Além disso, toda energia utilizada na propriedade é proveniente de fontes renováveis, como: solar e eólica. No Engenho reaproveita-se também boa parte da água da chuva.

Com este compromisso com o meio ambiente, a Sanhaçu recebeu em 2013 o Certificado de Carbono Zero. A fábrica é aberta diariamente para visitações individuais ou em grupo. Nosso horário de funcionamento é de segunda a sábado das 9h às 17h e aos domingos e feriados de 9h às 15h. Visitas de grupos com mais de 10 pessoas devem ser previamente agendadas. Entre em contato conosco e venha nos conhecer!

Certificado Carbono Zero

CARBONO ZERO

Certificado de Garantia de Não Produção de Carbono Florestal

Certificado Organico

PRODUTO ORGÂNICO

Certificado de Produto Orgânico do Brasil

Certificado IBD

CERTIFICADO IDB

Certificado de Produto Orgânico Garantido pelo IDB- Instituto BioDinamico

Produção sustentável e Educação ambiental

Icone Energia Solar

Energia Solar

O Engenho Sanhaçu é o primeiro do país a utilizar energia solar em toda sua produção. São 31 placas fotovoltaicas. Na história do Brasil, os primeiros engenhos existentes eram movidos a tração humana (escravos). Em seguida vieram aqueles movidos a tração animal, roda d’água, vapor e energia elétrica. E pela primeira vez na nossa história temos um engenho movido a energia solar. As outras formas de energia (térmica e eólica) utilizadas na Sanhaçu também são de fontes renováveis.

Energia Renovável

Energias Renováveis

É possível ver na propriedade o cata-vento de energia eólica, utilizado na planta de água de resfriamento da cachaça. As placas fotovoltaicas de energia solar, além de abastecerem a planta agroindustrial, também suprem o consumo doméstico. E parte do bagaço da cana-de-açúcar é a fonte de alimentação da caldeira.

icone Horta

Horta Orgânica

A família Sanhaçu é uma das fundadoras das primeiras feiras de produtos orgânicos do estado de Pernambuco. Na propriedade é mantida uma horta onde atualmente os alimentos produzidos são apenas para consumo próprio.

Icone Agroflorestamento

Agroflorestamento

Estamos localizados na Zona da Mata de Pernambuco, onde originalmente a Mata Atlântica dominava a flora da região. O plantio agroflorestal busca produzir alimentos no ambiente de floresta nativa. Em parceria com a SNE – Sociedade Nordestina de Ecologia, e com a Carbono Florestal, a Sanhaçu anualmente produz, planta e acompanha o crescimento de centenas de mudas frutíferas e nativas da Mata Atlântica.

Icone Produtos Organicos

Produtos Orgânicos

O produto orgânico não é apenas aquele cultivado sem o uso de agrotóxicos. É também limpo, saudável, e que provém de um sistema de cultivo que observa as leis da natureza com manejo agrícola baseado no respeito ao meio ambiente e na preservação dos recursos naturais. A Sanhaçu faz parte da Associação Terra Viva de produtores orgânicos.

Icone Água

Reutilização da água

Toda água utilizada para resfriamento na produção de cachaça é reutilizada proporcionando assim uma economia de mais de 50% do volume total.

Icone Reaproveitamento

Reaproveitamento de resíduos

Cerca de 1/3 de todo bagaço de cana-de-açúcar produzido é utilizado como combustível na caldeira. Os 2/3 restantes são aguados com vinhoto e quando acrescidos de matérias orgânicas, inclusive as cinzas oriundas da caldeira, formam um excelente adubo, retornando para o canavial como fertilizante natural.

Icone Preservação

Preservação ambiental

Todo este cuidado com o meio ambiente tornou a Sanhaçu um verdadeiro oásis verde na região. Alimento, sombra e água fresca, é tudo que a fauna nativa precisa.

Assista nosso Vídeo!

Acesse nosso canal no Youtube